A minha versão do Bolo Indiano!

Bolo Indiano

Hoje convido vocês a testar uma receita de bolo um tanto diferente. O Bolo Indiano ou Bolo da Índia, é feito com farinha de rosca e especiarias. Tem sabor e textura surpreendentes.

Tenho minhas dúvidas, se lá na Índia comem esse bolo (assim como expliquei no post da Sopa Eslava), mas ele é delicioso. Segundo o Sr. Google, o Bolo Indiano foi criado pela necessidade das panificadoras reutilizarem as sobras de pão (farinha de rosca). A receita mais famosa é da Padaria Dona Deôla, em São Paulo.

Eu conheci esta receita no site de uma blogueira de moda que sigo há muito tempo a Mariah. Mas a receita que eu vou ensinar hoje é um tantinho adaptada.

Não que a receita dela não seja boa, é que senti necessidade de mais especiarias, (então mudei um pouco). Acho que o bolo ficou ainda mais rico.

A receita é muito fácil, vem ver!

Rendimento: 6 a 8 fatias
Tempo médio de preparo: cerca de 50 minutos

Ingredientes para o bolo:

3/4 xícara de leite
3 cravos da Índia
1 pau de canela
4 ovos (gemas e claras separadas)
1/2 xícara de açúcar mascavo
1/2 xícara de açúcar demerara
100 gramas de manteiga em temperatura ambiente
1 e 1/2 xícara de farinha de rosca
1 colher de sopa de fermento químico em pó
1 colher de chá de noz-moscada (ralada na hora)
1 colher de chá de gengibre em pó
3 colheres de sopa de mel

Ingredientes para Cobertura:

1 lata de leite condensado
2 colheres de sopa de manteiga
1 colher de chá de canela
2 gemas
1/2 xícara de leite

Modo de Preparo do Bolo:
1. Separe todos os ingredientes.
2. Ferva o leite, com um pau de canela e os cravos. Reserve.
3. Preaqueça o forno a 180Cº – 200ºC (temperatura média).
4. Prepare a assadeira (usei uma redonda média com furo central e aro de 24cm): com um guardanapo de papel ou pincel unte com manteiga e polvilhe com farinha de trigo. Chacoalhe para cobrir fundo e laterais, vire e sobre a pia e bata no fundo para remover o excesso de trigo.
5. Separe as claras das gemas. Reserve as gemas. Bata as claras com uma pitada de sal, em velocidade baixa na batedeira. Quando começarem a espumar, aumente a velocidade e continue batendo até ficarem em ponto de neve firme (formando picos). Reserve.
6. Na tigela da batedeira, bata a manteiga até que fique bem cremosa. Adicione os dois tipos de açúcar aos poucos e bata até formar um creme claro.
7. Junte as gemas uma a uma, batendo bem entre cada adição. Diminua a velocidade da batedeira e adicione a farinha de rosca, alternando com os leites. A cada adição, bata apenas para misturar. Acrescente as especiarias, o mel e o fermento.
8. Incorpore as claras a massa delicadamente, pois não queremos perder ar que já incorporamos.
9. Transfira a massa para a assadeira e leve ao forno por 30 – 40 minutos ou até o bolo crescer e dourar. Para conferir se o bolo está pronto faça o teste do palito*.
10. Retire o bolo do forno e deixe amornar antes de desenformar. Se possível sobre uma gradinha.

Modo de Preparo da Cobertura:
1. Separe todos os ingredientes:
2. Em uma panela de fundo grosso adicione todos os ingredientes, e leve a fogo baixo.
3. Assim que tudo diluir, cozinhe por uns 10 minutos. Até o ponto de brigadeiro de copinho.

Agora é só desenformar o bolo em um prato, e cobrir com esse “brigadeiro”.

Eu não resisti ao cheiro desse bolo e comi ele ainda quentinho!

*** Dicas ***
– Nossa xícara medidora é de 240ml e colheres de sopa e chá, 15ml e 5ml respectivamente.
– Para bolos o ideal é usar leite integral, mas eu fiz com leite semidesnatado e também ficou gostoso.
– Não substitua manteiga por margarina, por favor. Outro dia farei um post sobre esse assunto, por enquanto acreditem em mim :).
– Sempre quebre os ovos um a um, em uma tigela pequena separadamente para verificar se estão bons antes de misturá-los em sua massa e se seus ovos forem do tipo jumbo, 3 são suficientes.
– O açúcar demerara pode ser substituído por açúcar refinado ou cristal.
– *O teste do palito consiste em furar o bolo no centro, com um palito de dentes ou de churrasco. Se o palito sair limpo é sinal de que o bolo está assado e pode ser retirado do forno. Caso contrário, deixe o bolo ao forno por mais alguns minutos até que asse completamente.
– O bolo pode ser guardado em um recipiente hermético, em temperatura ambiente, por até 2 dias.
– Congele o bolo frio (sem cobertura) dentro de um saco plástico. Dura cerca de 20 dias no congelador. Para descongelar é só deixar em temperatura ambiente por algumas horas, ou passar do congelador para a geladeira durante a noite.
– Eu fiz meia receita da cobertura, mas se você fizer a receita toda, pode dividir o bolo ao meio e rechear com esse mesmo “brigadeiro”.

Por ter menos glúten esse bolo não cresce muito, então não se preocupe se seu bolo ficar baixinho, ok? Ele também fica bem escuro por fora, por conta da canela.

Faça esse bolo é depois volte aqui pra me contar o que achou da receita, ou poste uma foto nas redes sociais com a #receitamuitoalémdacozinha.

Deixe uma resposta